Daniel Dias dispara nos 100m livre, conquista o ouro e chega a 30 títulos do Parapan na carreira
parapan

Daniel Dias dispara nos 100m livre, conquista o ouro e chega a 30 títulos do Parapan na carreira

  • Compartilhar
  • Compartilhar
  • Compartilhar

Quer receber notíticas em tempo real? Curta o Notícia Plus

Trinta vezes Daniel Dias! Maior nome da história do esporte paralímpico brasileiro, Daniel Dias é incansável. Nadando seu quarto Parapan, em Lima, no Peru, ele conquistou, nesta quarta-feira, o ouro nos 100m livre da categoria S5, e chegou ao impressionante número de trinta medalhas douradas na carreira na competição continental, maior vencedor absoluto do evento. Ele ainda nada em Lima o 200m livre e os 50m borboleta, e ele já havia vencido os 50m costas e 50m livre.

Nos 100m livre, ele não tomou conhecimento de seus rivais. Logo nos primeiros metros, Daniel já se mandou na frente, abrindo mais de cinco segundos logo na primeira metade da prova. Virou com 35s12 a primeira metade da prova, depois terminou com 1m11s88. A prata ficou com o colombiano Miguen Roncon, que chegou 16s14 atrás.

Lista das 30 medalhas de ouro

????2007 - 100m livre
???? 2007- 100m peito
???? 2007- 200m livre
???? 2007 - 50m borboleta
???? 2007- 50m costas
???? 2007 - 50m livre
???? 2007 - 4x50m medley
???? 2007 - 4x100m medley
???? 2011 - 50m livre
???? 2011 - 4x50m medley
???? 2011 - 50m costas
???? 2011 - 100m livre
???? 2011 - 4x100m livre
???? 2011 - 50m borboleta
???? 2011 - 4x50m livre
???? 2011 - 200m medley
???? 2011- 100m peito
???? 2011 - 4x200m medley
???? 2011 - 200m livre
???? 2015 - 50m livre
???? 2015- 100m livre
???? 2015 - 200m livre
???? 2015- 50m costas
???? 2015- 50m borboleta
???? 2015- 4x50m livre misto (20 pontos)
???? 2015- 4x100m livre (34 pontos)
???? 2015- 4x100m medley (34 pontos)
???? 2019- 50m costas
???? 2019- 50m livre

A história de Daniel Dias no Parapan começou em 2007, no Rio de Janeiro, quando tinha 19 anos, e, em sua primeira grande competição, já levou oito títulos. Quatro anos depois, no México, foi ao lugar mais alto do pódio onze vezes. Em Toronto, 2015, mais oito conquistas. Em Lima, já foram três.

Em Jogos Paralímpicos, Daniel tem 14 ouros, sete pratas e três bronzes, totalizando 24 pódios. Em Campeonatos Mundiais, são 24 ouros e seis pratas.