Campanha na Copa da Inglaterra e proposta do Watford podem fazer Gomes rever aposentadoria
futebol inglês

Campanha na Copa da Inglaterra e proposta do Watford podem fazer Gomes rever aposentadoria

  • Compartilhar
  • Compartilhar
  • Compartilhar

Quer receber notíticas em tempo real? Curta o Notícia Plus

Pela primeira vez desde que se transferiu para o Watford, na temporada 2014/2015, Gomes não foi utilizado em sequer uma partida Campeonato Inglês. Um cenário que o fez considerar e encaminhar a aposentadoria aos 38 anos. O desempenho dos Hornets na Copa da Inglaterra, no entanto, fez o veterano reavaliar a decisão. Titular na competição, o brasileiro disputa a final contra o Manchester City neste sábado e, só então, deve anunciar seu futuro.

Contratado como reforço na última janela de transferências de verão, o goleiro inglês Ben Foster ganhou a preferência do técnico Javi Gracia e assumiu a posição que até então era de Gomes. Ficou no gol nas 38 rodadas da Premier League.

As únicas chances do brasileiro em toda a temporada foram nas Copa da Liga Inglesa e da Inglaterra. Na primeira, o clube foi eliminado na terceira rodada, nos pênaltis, pelo Tottenham. Na segunda, garantiu vaga na decisão.

Gomes foi até capitão nos dois primeiros jogos da Copa da Inglaterra, contra Woking e Newcastle, ambos vencidos por 2 a 0. Na sequência, o time eliminou Queens Park Rangers, Crystal Palace e Wolverhampton - este último numa virada incrível, na prorrogação. E assim o brasileiro foi ganhando tempo de jogo e moral com a torcida.

Em março, Gomes declarou em entrevistas que estava “99% decidido” a parar de jogar. Deveria continuar no futebol num cargo extra-campo e poderia seguir no próprio Watford. Mas a diretoria do clube chamou o goleiro para uma conversa na última segunda-feira para propor uma extensão de contrato por mais um ano. Desde então Gomes preferiu o silêncio. Só deve se pronunciar depois da partida.

Vaga de titular na final não está garantida

A dúvida se essa será a última partida profissional do goleiro persiste não só pela possibilidade de adiar a aposentadoria, mas também porque Javi Gracia pode optar por começar o jogo com Ben Foster.

Questionado em entrevista coletiva do Watford sobre a situação do goleiro, o técnico espanhol deixou em aberto se ele ficará no gol ou no banco em Wembley.

- Não sei se será o último jogo dele. Eu gostaria de conversar com ele e com o clube e ver se ele poderá seguir na próxima temporada. Temos que conversar sobre isso. Vamos ver o goleiro no sábado. Eu não gosto de falar sobre isso. Foco apenas no jogo e tento escolher o melhor para o jogo. Depois disso vamos ver o que acontece no futuro – disse o treinador, em declaração publicada pelo jornal Daily Mail.

Se superar o Manchester City, que no último domingo faturou o bicampeonato da Premier League, o Watford garante participação na próxima edição da Liga Europa. Como o City está classificado para a Liga dos Campeões, um eventual título do time de Guardiola transfere a vaga na competição para o sétimo colocado do Campeonato Inglês. No caso, o Wolverhampton.