Rodinei não está sozinho... Lista lembra outros 11 "gols feitos" que foram perdidos pelo Flamengo
flamengo

Rodinei não está sozinho... Lista lembra outros 11 "gols feitos" que foram perdidos pelo Flamengo

  • Compartilhar
  • Compartilhar
  • Compartilhar

Quer receber notíticas em tempo real? Curta o Notícia Plus

A torcida do Flamengo ficou na bronca com Rodinei, que perdeu uma chance claríssima no clássico contra o Vasco, sem goleiro, e viu o rival empatar o jogo na sequência (veja no vídeo abaixo). O técnico Abel Braga revelou que o lateral-direito chegou a chorar no vestiário.

Mas calma, Rodinei, você não está sozinho. O GloboEsporte.com relembra outros 11 "gols feitos" que foram perdidos por jogadores do Flamengo nos últimos 10 anos. Tem atacante que é frequente no quesito, nome consagrado e até um lateral-direito, assim como Rodinei.

Veja a lista em ordem cronológica:

  • 1) Josiel - Flamengo 1 x 0 Fluminense (12/04/2009)

Pela semifinal da Taça Rio de 2009, no Maracanã, Josiel poderia ter feito o segundo gol do Flamengo no clássico contra o Fluminense no fim do primeiro tempo, mas chutou em cima de Edcarlos. Para sorte do centroavante, o gol não fez falta, e o Rubro-Negro venceu por 1 a 0.

  • 2) Deivid - Flamengo 4 x 1 Atlético-MG (26/06/2011)

Deivid foi quem mais ficou marcado no Flamengo pelos gols perdidos, e o primeiro deles foi um que poucos se lembram, em partida da 6ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2011, no Engenhão: sozinho na área e sem goleiro, deu de zagueiro e cabeceou para trás. Mas o centroavante se redimiu nesse mesmo jogo, fez dois gols, e o Rubro-Negro goleou o Atlético-MG por 4 a 1.

  • 3) Deivid - Santos 4 x 5 Flamengo (27/07/2011)

O centroavante atacou de novo no mês seguinte, naquele inesquecível 5 a 4 do Flamengo sobre o Santos na Vila Belmiro, em partida da 12ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2011. O show de Neymar e Ronaldinho Gaúcho ofuscou o gol perdido por Deivid, que se atrapalhou com a bola sem goleiro, quando o Rubro-Negro perdia o jogo por 2 a 0. No fim, não fez falta mais uma vez.

  • 4) Deivid - Vasco 2 x 1 Flamengo (22/02/2012)

O lance mais lembrado pelos torcedores envolvendo Deivid aconteceu na semifinal da Taça Guanabara de 2012, no Engenhão. Após cruzamento rasteiro, o centroavante entrou livre, inteiro na bola, quase em cima da linha, mas conseguiu acertar a trave. E desta vez, ele não teve tanta sorte assim, pois o gol perdido fez muita falta: o Vasco virou o jogo e eliminou o Rubro-Negro.

  • 5) Léo Moura - Flamengo 1 x 0 Vasco (19/08/2012)

Outro lateral-direito que passou pela infelicidade do Rodinei foi Léo Moura. No clássico contra o Vasco pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Engenhão, o ala recebeu cruzamento rasteiro na segunda trave e furou o chute praticamente em cima da linha. Seria o segundo gol do Flamengo na partida, mas daquela vez não houve castigo no fim.

  • 6) Vagner Love - Atlético-GO 1 x 2 Flamengo (23/09/2012)

Depois de Deivid, foi a vez de Vagner Love sofrer com o trauma dos gols perdidos. No Serra Dourada contra o Atlético-GO, em jogo da 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o artilheiro do amor teve uma chance cristalina na pequena área e sem goleiro. Mas pegou muito embaixo da bola e carimbou o travessão. Para sua sorte, não fez falta, pois o Rubro-Negro venceu por 2 a 1.

  • 7) Vagner Love - Portuguesa 0 x 0 Flamengo (17/10/2012)

Um mês depois, Vagner Love atacou de novo, desta vez no Canindé, em partida contra a Portuguesa válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele fez tudo certo: ganhou na corrida, projetou-se na área, dominou tirando o goleiro, mas na hora do chute... Acertou a trave. E esse gol fez falta, afinal, o Rubro-Negro não conseguiu tirar o zero do placar naquela ocasião.

  • 8) Elias - Náutico 0 x 0 Flamengo (22/09/2013)

Nem mesmo um dos heróis da conquista da Copa do Brasil de 2013 passou imune pelo quesito "gols perdidos". Contra o Náutico na Arena Pernambuco, em jogo da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, Elias conseguiu desperdiçar uma chance clara em rebote do goleiro na pequena área. Foi chutar e... Isolou. Se tivesse mirado direito, o Flamengo talvez tivesse vencido aquela partida.

  • 9) Thiago Santos - Flamengo 1 x 0 Mirassol (15/01/2014)

E perder gols não é algo que só afeta os profissionais. Está aí o Thiago Santos, quando ainda era da base, para provar o contrário. Na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2014, o meia-atacante puxou um contra-ataque no último minuto e, sem goleiro, chutou de fora da área... Mas para fora. Não fez falta, já que o Rubro-Negro venceu o Mirassol no Alfredo de Castilho e foi para as oitavas de final.

  • 10) Guerrero - Flamengo 1 x 1 Vasco (30/03/2016)

E até nomes consagrados como o peruano Paolo Guerrero já passou por isso. Em outro clássico com o Vasco, só que no Mané Garrincha, pela 4ª rodada da Taça Rio de 2016, o centroavante teve duas chances na pequena área, a mais clara foi a segunda, no rebote, quando Martín Silva já estava caído. Mas chutou em cima do goleiro. Se tivesse caprichado, o Rubro-Negro poderia ter vencido.

  • 11) Vitinho - São Paulo 2 x 2 Flamengo (04/11/2018)

O gol perdido mais recente, tirando o do Rodinei, ainda machuca o torcedor rubro-negro. Foi contra o São Paulo no Morumbi, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro: após o cruzamento rasteiro passa por Diego e Uribe, a bola sobrou limpa para Vitinho, com o gol aberto, isolar. O Flamengo só empatou e ficou mais distante da briga pelo título com o Palmeiras.

Sinta a emoção de ser sócio-torcedor do Mengão e tenha muitas vantagens - clique aqui!