Lucio Mauro Filho diz que novela ajudou a superar a perda do pai: 'Importante para a cabeça e para um coração machucadinho'
Famosos

Lucio Mauro Filho diz que novela ajudou a superar a perda do pai: 'Importante para a cabeça e para um coração machucadinho'

  • Compartilhar
  • Compartilhar
  • Compartilhar

Quer receber notíticas em tempo real? Curta o Notícia Plus

Não há tristeza que resista ao humor pulsante de Lucinho, como é carinhosamente chamado no meio artístico. Existe, sim, um vazio pela perda recente do pai, seu grande companheiro e mestre da comédia, Lucio Mauro, que morreu dia 11 de maio em decorrência de um AVC. Mas a despedida, segundo Lucio Mauro Filho, foi serena até pelo legado que o artista deixou não só nos palcos da vida, como para a família.

+'Bom Sucesso': entenda a história da nova novela das 7

"Eu aproveitei com ele tudo o que pude, e me sentia no dever de ter serenidade para viver esse momento. Um homem de 92 anos que parte não existe nenhuma tragédia nisso, não existe surpresa, ainda mais para um cara que viveu a vida que meu velho viveu, na plenitude, com todas as alegrias de carreira, filhos, família. A gente devia isso a ele, celebrar a vida, não a morte, porque a morte é um lugar onde todo mundo vai chegar", diz Lucinho.

E o tema finitude entra justamente no novo trabalho do artista em novelas. Lucinho chega a sua segunda trama, "Bom Sucesso", no ar a partir do dia 29/7, na pele de Mario, um editor, leal e com senso de humor único, numa história que "fala sobre a importância de viver com a consciência de que nossos dias são finitos e únicos. Sobre saber valorizar, de forma intensa, as pequenas coisas do cotidiano", como define Rosane Svartman, autora da trama junto com Paulo Halm.

"Foi uma passagem muito tranquila. A família estava preparada. E, por coincidência, vem um trabalho no qual o assunto é a perda. A gente começou a preparação com o papai vivo e ele morreu no comecinho das gravações. Agora já estou tranquilo para falar sobre o assunto. Isso, de uma certa maneira, foi ótimo para o projeto porque eu pude, de fato, dividir essa experiência com meus colegas."

Era o frescor de um novo trabalho que Lucinho precisava para voltar com ainda mais gás:

"Nada como um projeto. 'Bom Sucesso' chegou para isso, para trazer também ocupação que é importante para a cabeça e para um coração machucadinho."

"Fora a felicidade de estar entre amigos. Estou muito bem cercado. Fui acarinhado nesse momento difícil. E ainda tem esse ambiente extremamente confortável para trabalhar, de gente competente, talentosa, com garra e que gosta de fazer, como é o meu caso. Estou no melhor dos mundos."

Nesse período de partida, pintou uma nova vida na família. Liz, caçula de Lucinho e de Cíntia Oliveira, que também são pais de Bento e Luiza, chegou de supetão para fortalecer os laços:

"A Liz veio no meio do furacão. Eu estava fazendo 'PopStar', 'Malhação' e 'Escolinha' e o cara ainda vai lá e faz mais um filho (risos). Foi surpresa, numa troca do DIU (dispositivo intrauterino que atua como contraceptivo). Imagina só, nossos filhos com 16 e 14 anos, tudo resolvido e aí... Na hora, a gente ficou um pouco nervoso porque costumamos planejar tudo e, de repente, a vida trouxe algo assim, sem planejamento."

Mas o pai coruja atesta que, passado o primeiro impacto, a pequena só veio para somar:

"É uma criança espetacular, dorme a noite inteira, acorda nove da manhã... Não dá trabalho nenhum. Não tem babá porque quem cuida são os irmãos, então uniu a família, promoveu um entendimento de geração, do que é o ciclo e chegou antes do vovô partir, então deu tempo de eles se conhecerem. Os sinais que ela traz são os melhores, de união, carinho e afeto."

Na novela das sete, que substituirá Verão 90, Mario, personagem de Lucinho, é um romântico incurável e se considera um poeta boêmio. Apaixonado por Nana (Fabiula Nascimento) desde a adolescência, com quem se relacionou há alguns anos, tenta a todo custo reconquistá-la:

"Mario é um eterno apaixonado por essa mulher, que é chefe e amiga dele de infância. É quase um coitadinho, porque mesmo realizado profissionalmente, não é realizado no amor. E não tem traquejo para essas coisas. Mas ele vai lutar muito para chegar ao coração dela."

Com uma carreira consolidada na comédia, Lucio Mauro Filho tem se enveredado pela novelas e se deliciado com as novas possibilidades.

"Me sinto totalmente realizado. É uma felicidade muito grande trabalhar com o que ama, alcançar sucesso, reconhecimento dos colegas e do público. Não há mais nada que um artista possa querer. Sinto que trilhei um caminho certo, bonito. Ao mesmo tempo, ainda tenho muita lenha para queimar. Já tinha realizado um trabalho muito grande na linha de shows, durante 18 anos, aprendi o que tinha que aprender. E aí vim para um lugar onde, aos 45 anos, ainda sou novidade."