Karim Benzema e Mathieu Valbuena durante treinamento da seleção da França em Clairefontaine em 2014
© REUTERS/Charles Platiau/Direitos Reservados
Esportes

Benzema é condenado por chantagem em caso de vídeo íntimo de Valbuena

Pena de prisão foi suspensa, mas jogador terá de pagar R$ 2 milhões


Publicado em 24 de Novembro de 2021 às 16:29 Por Layli Foroudi * - Versalhes (França) (Ver Fonte)

Karim Benzema, atacante da França e do Real Madrid, foi considerado culpado nesta quarta-feira (24) por cumplicidade em uma tentativa de chantagem de um ex-colega de seleção em um caso que envolve um vídeo sexual e foi punido a um ano de prisão, mas a pena foi suspensa.

O tribunal de Versalhes também o multou em 75 mil euros (o equivalente a R$ 469,5 mil) e ordenou que ele pague 80 mil euros (R$ 500,8 mil) ao ex-colega de seleção Mathieu Valbuena para cobrir despesas legais e 150 mil euros (R$ 939 mil) em danos juntamente com os três outros acusados.

O advogado de Benzema disse que apelará do veredicto.

O jogador, que nega qualquer irregularidade, não estava na corte. Ele deve atuar pelo Real Madrid contra o time moldavo Sheriff Tiraspol ainda nesta quarta-feira pela Liga dos Campeões.

"Este desfecho não corresponde de maneira nenhuma à realidade dos acontecimentos", disse o advogado Antoine Vey aos repórteres mais tarde.

O Real Madrid não quis comentar.

No início deste mês, o presidente da Federação Francesa de Futebol, Noel Le Graet, disse que Benzema não seria excluído da seleção caso fosse condenado e recebesse a pena suspensa que os procuradores queriam.

"O técnico sempre será responsável por sua convocação, e Benzema não será deixado de lado por causa de uma eventual sanção judicial", disse Le Graet ao jornal Le Parisien.

Os procuradores argumentaram que Benzema incentivou Valbuena a pagar um suposto grupo de chantagistas para manter um vídeo de sexo explicito longe dos olhos do público.

* Reportagem adicional de Fernando Kallas em Madri