Presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier
© REUTERS/Ints Kalnins/Direitos Reservados
Internacional

Assessor de Zelenskiy nega rejeição à visita do presidente alemão

Steinmeier disse que iria expressar "solidariedade europeia"


Publicado em 13 de Abril de 2022 às 10:14 Por Max Hunder - Repórter da Reuters* - Kiev (Ver Fonte)

O assessor presidencial ucraniano Serhiy Leshchenko negou nesta quarta-feira (13), em entrevista à CNN, que o presidente Wolodymyr Zelenskiy tenha rejeitado oferta de visita do presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, conforme noticiado pelo jornal Bild

Steinmeier disse ontem que havia planejado visitar Kiev, em companhia dos presidentes da Polônia, Estônia, Lituânia e Letônia, "para enviar forte sinal de solidariedade europeia à Ucrânia, o que não era desejado em Kiev".

O Bild noticiou que Zelenskiy havia rejeitado os planos de Steinmeier de visitar Kiev devido às estreitas relações com a Rússia nos últimos anos e ao seu longo apoio ao gasoduto Nord Stream 2 -  projeto para dobrar o fluxo de gás russo diretamente para a Alemanha - que foi cancelado após a invasão da Ucrânia por Moscou. 

O assessor ucraniano negou o teor da reportagem do Bild.

*É proibida a reprodução deste conteúdo.