"Soy loco por Copa América": Marcelo Adnet imita locutores e personagens em projeto de humor no esporte
soy loco por copa américa

"Soy loco por Copa América": Marcelo Adnet imita locutores e personagens em projeto de humor no esporte

  • Compartilhar
  • Compartilhar
  • Compartilhar

Quer receber notíticas em tempo real? Curta o Notícia Plus

As mãos se mexem rapidamente na frente do corpo, os óculos se movem, o R gutural se estende. Por um instante... você pensa antes de rir. Esse Galvão Bueno é mais Bueno do que o próprio Galvão. Essa é a virtude de Marcelo Adnet: captar os maneirismos de tal forma que a caricatura soa tão real que homenageia e diverte ao mesmo tempo.

- RRRRRR..... onaldinho. Estamos aqui em.... São Luis do Maranhããããoooooooo!

A partir deste domingo, os locutores do Grupo Globo ganharão vida diferente na pele de Adnet no "Soy Loco por Copa América", um projeto que une esporte e humor durante a Copa América. Cléber Machado? Hoje sim. Esses Luíses Robertos maravilhosos? Também. Luís Carlos Junior brincando com seu estilo e topete. Milton Leite dando uma topada, perdão, batiiiiida... e Gustavo Villani com seus gols de videogame.

- Há muito tempo o entretenimento e o esporte tentam se unir e produzir um conteúdo divertido e leve para brincar com um universo tão rico como o do esporte. Nesta Copa América, experimentamos uma parceria desafiadora, na qual encarno todos os locutores da casa, e ainda aguardamos os fatos e notícias da competição para criarmos conteúdo inédito e quente, em cima do fato. A equipe que mistura esporte e entretenimento reúne gente muito boa e amigos de longa data. Estamos muito felizes de estarmos juntos - diz Adnet.

- Esporte com humor sempre foi a minha praia, desde os tempos de Rock Bola. A galera do Esporte nos recebeu muito bem. E como é bom estar com o Adnet de novo. Obrigado por me deixarem trabalhar novamente com esse geniozinho alvinegro! - emenda o roteirista Wagner Pinto.

Projeto presente na Globo, SporTV e GloboEsporte.com

Os esquetes estão em toda a programação esportiva da Globo e do SporTV a partir deste domingo e até o fim da Copa América. A ideia do grupo é brincar também com o factual ao longo da competição. O projeto é uma parceria dos Estúdios Globo com o o Esporte. Todos os vídeos exibidos nas TVs (e outros exclusivos para o digital) estarão disponíveis na seção "Soy loco por Copa América" do GloboEsporte.com.

- Se no ‘Tá no Ar’ a gente satirizava e brincava com a TV, no "Soy Loco por Copa América" estaremos brincando na TV, dentro dela, utilizando os mesmos estúdios, cenários e bancadas dos programas esportivos originais. É um universo riquíssimo, e para nós, os autores, uma bela fonte de piadas! - acrescenta Marcelo Martinez, outro roteirista escalado na equipe.

O editor-chefe do projeto é o jornalista Sidney Garambone - que comanda os programas Bem, Amigos!, Grande Círculo e Boleiragem no SporTV e trabalhou no Zona Mista durante a Copa do Mundo (que, como o Central da Copa, também foi uma parceria com os Estúdios Globo). Ele diz que a ideia é repetir os sucessos:

- Na Copa do Mundo, o namoro deu muito certo com Zona Mista e Central. O amor continuou e a relação ficou mais aberta. Adnet passeia por cenários e estúdios conhecidos do público, brincando com gente do esporte e rindo do nosso cotidiano, esculhambando, no bom sentido, os tradicionais bordões.

- É um projeto bacana, que mistura talentos e estrutura do esporte e dos Estúdios Globo em todas as áreas do projeto para produzir um conteúdo de humor que sirva bem ao esporte. E pela primeira vez participo de um projeto que tem dois botafoguenses - brinca Marcius Melhem, diretor responsável pelo humor nos estúdios.

Até o fim da Copa América, as várias versões de Adnet vão invadir programas e transmissões da Globo e do SporTV. E as imitações não devem ficar apenas nos locutores...

- É um luxo para a gente que trabalha no humor poder brincar com o esporte dentro da casa deles. No universo real onde os programas esportivos acontecem. Essa parceria traz uma riqueza muito especial para as paródias e imitações - completa Daniela Ocampo, supervisora artística do projeto.